sexta-feira, 17 de abril de 2009

Arte Naïf

Arte Naïf é arte ingênua, espontânea, de criatividade autêntica e repleta de simbologia. É o estilo que pertence a pintura de artistas sem formação sistemática, um tipo de expressão que não se enquadra nos moldes acadêmicos.


Mike Jackson
Nascido em 1962 em uma família de classe trabalhadora de Manchester, Mike Jackson cresceu em um ambiente familiar cercado de bons valores. Saiu da escola com poucas qualificações, mas com um grande amor à arte. Foi açougueiro. Depois de uma carreira diversificada finalmente perseguiu o caminho artístico e se tornou um artista gráfico. Enquanto isso desenvolvia suas habilidades de ilustração e aprendeu a lidar com diferentes formatos de mídia até que se sentiu que era bom o suficiente para vender algumas de suas pinturas. Pelos anos que se seguiram Mike Jackson concentrou-se em aperfeiçoar suas habilidades com aquarela e sentiu que era esse o seu caminho. Foi um artista bem sucedido por vários anos até que foi convencido por um amigo de Somerset a tentar um trabalho com acrílico. Foi isso que ele fez, e para sua surpresa, adorou esse trabalho. Ele não teve treinamento formal então teve que aprender com seus próprios erros.

Born in 1962 to a working class Manchester family, Mike Jackson grew up in a warm family surrounding with honest values. He left school with few qualifications but with a great love of art. He became a Butcher. After a wide and varied career path he eventually pursued the artistic path and became a Graphic Designer. In the meantime he was developing his illustration skills and learning different medias until he felt he was good enough to sell some of his paintings.For years after that Mike Jackson concentrated on perfecting his watercolour skills and felt that this was the path for him. He was quite a successful watercolour artist for many years and was pushed by a friend who has a gallery in Somerset to try out acrylics. This he did, and to his surprise he absolutely loved them. He had no formal training in art so he had to learn by his own mistakes.

3 comentários:

Cristiane disse...

Que lindo! Adoro este tipo de arte "que não se enquadra nos moldes acadêmicos". Bises

Veronica Fantoni disse...

Oi!
Legal ver alguém falando sobre Arte Naif, pois é uma arte pouco conhecida. Eu mesma só conheço um pouco pq tenho uma amiga artista naif, ela se chama Ana Camelo.
Bjs

michelly disse...

gente q lindo eu adorei mesmo
que fofo